Mudança de paradigma: quase metade dos medicamentos em desenvolvimento são personalizados

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

A Medicinina Personalizada tem um papel crescente no conjunto de medicamento em desenvolvimento. Um estudo académico publicado há dias revela que quase metade dos medicamentos fazem uso de biomarcadores para fins variados. No sumário do estudo, a única parte do mesmo de livre acesso, pode-se ler:

  • o desenvolvimento de medicamentos personalizados leva a que as empresas mudassem os seus paradigmas de I&D.
  • as empresas de desenvolvimento de medicamentos estão a fazer parcerias com universidades e empresas de dagnóstico de forma a avançarem em medicina personalizada
  • os biomarcadores são comum na fase de "descoberta" mas não são necessários para que uma molécula siga para a fase de desenvolvimento.
  • os biomarcadores são crescentemente usados para compreender melhor a resposta à terapêutica mas as empresas não podem usar esses dados para suportar as aprovações das agencias regulamentares.
  • as empresas de desenvolvimenbto de medicamentos dizem que os biomarcadores companion são necessários mas que não têm necessáriamente que constar na bula.
A jeito de comentário diria que é ja evidente que a industria já compreendeu e accionou perante os estímulos das agencia de regulação que promovem o uso de biomarcadores. este facto está a gerar uma mudança de paradigma ainda de difícil "digestão" por parte da indústria farmacêutica. O relatório aborda a perspectiva do desenvolvimento mas espero que os biomarcadores usados nessa fase venham a ter interesse também na fase de comercialização, afinal aquela onde há mais impactos positivos para os doentes e para a economia da saúde.

Comentários

Faça o seu comentário

persodia.org

Invista 3 minutos por dia em informação / formação útil: indique o e-mail para onde serão enviadas as actualizações: