O que espera de testes de despiste a 350 euros ?

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

A Exact Sciences anunciou agora o seu teste molecular para detecção precoce de cancro do colon.

Tal como o da Epigenomics , o do CGC Genetics do Porto, o da Abbott / Celera e o da Infogene (aqui), este teste detecta metilação de DNA uma característica que silencia genes. O teste da Exact Sciences incorpora propriedade intelectual da belga OncoMethylome Biomarkers (renomeada para MDxHealth) e apresenta uma elevada eficiência (especificidade x sensibilidade) em amostras de fezes sendo por isso
útil para os programas de despiste que a união europeia e os seus estados membro promovem.

O "tema" é o preço, 350 euros e quanto se espera que venha a custar ao público o serviço o que é uma brutalidade para efeitos de despiste. Lembrar que o teste dá uma indicação mas não serve para confirmar a doença, o que requer observação directa por colonoscopia ou procedimento congénere.

Ainda assim, é de lembrar que há testes moleculares muito mais baratos via do aumento das quantidades e da concorrência no mercado. Nesta área não me estranharia se viesse a acontecer o mesmo dentro de poucos anos. Um preço na casa dos 40 euros ao público seria aceitável e uma comparticipação parcial faria que muitas pessoas optassem por pagar para ter um teste mais eficiente. Possível é, mas só após a crise...

Comentários

Faça o seu comentário

persodia.org

Invista 3 minutos por dia em informação / formação útil: indique o e-mail para onde serão enviadas as actualizações: